Humoresque

Imagem

Nunca fui fã de romances, mas para esse eu “pago-pau”. Fiquei pensando no post anterior sobre os filmes que mais gosto com a Joan Crawford (sem levar em consideração Baby Jane, que é o meu preferido) e me lembrei de “Acordes do Coração” (ou Humoresque de 1946) que também está presente no Box especial da atriz.

Quando tinha quinze anos ganhei o filme e fiquei tão apaixonada que vi inúmeras vezes. Minha mãe, como sempre calorosa também entrou no clima, mas dormiu nos primeiros momentos da história. Foi com esse filme que consegui entender porque muitos fãs admiram a beleza de Crawford e falam (alguns inclusive ironizando) sobre a sua fama de “mulher fatal”.

Em “Acordes do Coração” Joan Crawford está em uma de suas melhores fases, ainda jovem e muito bonita. Dentes perfeitos, cabelo e roupas impecáveis. Enquanto “Os desgraçados não choram” segue a linha do clima noir, “Acordes do Coração” não consegue (e nem poderia, com uma história dessas) fugir de um melodrama.

ImagemImagem

Na verdade Joan Crawford só aparece mesmo depois de uns 30 minutos do filme. Antes disso, nos é apresentado à história de Paul Boray (interpretado por John Garfield – também em uma das melhores fases de sua carreira). Desde pequeno Paul nutre uma paixão por música. Ainda garoto, ganha um violino da mãe que mesmo sem condições financeiras, faz de tudo para presenteá-lo. Já crescido, decide abandonar a orquestra onde toca porque acredita que para ter sucesso, precisa ser solista. A história vai tomando outros rumos até que Paul é convidado a tocar na festa de uma milionária: Helen Wright (Crawford).

Helen é casada e já se encontra na fase dos quarenta anos – fica encantada com o músico. No site “50 anos de cinema” (que eu sempre tenho como referência, porque gosto muito) é citado inclusive a cena em que Helen acende um cigarro. Vários isqueiros são estendidos a ela simbolizando que aquela milionária neurótica e alcoólatra é também: poderosa.  Ela nutre sua paixão por ele (chega inclusive a se separar do marido), investe em sua profissão, faz dele um violinista famoso.

Os dois passam a manter um relacionamento conturbado e Paul entra em um impasse: Helen não aceita ser coadjuvante do violino. Acostumada a ter todas as vontades atendidas, exige que ele sempre se encontre nos lugares (e nos momentos) que ela determina – em alguns deles, ele está tocando.  Uma história assim não poderia ter um final diferente: o que se pode esperar é simplesmente uma tragédia.

Imagem

Imagem

Imagem

Recheado de música, de lirismo, “Acordes do Coração” conta com a direção de Jean Negulesco e também com a atuação de Oscar Levant, Paul Cavanagh e  J. Carrol Naish. Nas informações especias, que vem no DVD tem um fato curioso: Como John Garfield não toca violino, a trilha sonora e realizada por Isaac Stern. Criaram uma roupa especial para o ator e para o músico, que enfiava as mãos pelo paletó e tocava  (enquanto John Garfiled fazia caras e bocas de um músico em plena atuação).Imagem

Lembrei também de outra coisa: O clipe da Madona “Power of Goodbye” é baseado nesse filme, a cena final é justamente a mesma (e carrega o mesmo drama). Confira!

Imagem * Revi o filme agora e acho que é preciso colocar isso: O personagem do Paul é também muito arrogante, essa obsessão pelo violino (que parece mais uma fuga da solidão e da incompreensão em que ele se encontra) não o permite ver o quanto a Helen o ama. Apesar das suas fragilidades, o personagem se redime no final do filme, quando mostra que o amor que sente pelo violinista é verdadeiro. E mais uma vez: como a Joan está bonita….putz.

One thought on “Humoresque

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s