Não deixe de assistir Apple Tree Yard!

Apple Tree Yard

Apple Tree Yard foi uma das melhores séries que assisti no ano passado, muito pelo roteiro, mas especialmente pela atuação monstruosa da Emily Watson. Com uma perspectiva bem sensual e madura, a série (produzida pela BBC) conta a história de Yvonne, uma professora universitária que se envolve em uma relação extraconjugal – que culmina em um assassinato. O bom é que é uma série curtinha e com resolução rápida (são apenas quatro episódios, mas com reviravoltas impactantes).

A perspectiva feminina prevalece em toda a narrativa e é difícil não sentir empatia pela personagem principal, que é muito humana e traz dores bem comuns > como a questão da auto estima ou do avanço da idade. A sexualidade dos personagens é tratada de uma forma complexa e inteligente, gostei demais da abordagem sem julgamentos. A gente até torce para que ela e o amante se saiam bem (ao mesmo tempo em que entende a perspectiva do marido e dos filhos). Sem falar do clímax, que é bem no finalzinho, mas deixa qualquer um de queixo caído.

Discordo um pouco da colunista Patricia Kogut que afirma que a série retrata a fragilidade feminina. Vejo na personagem um reflexo da coragem e força de diversas mulheres que sofrem um tipo de violência, mas não perdem a firmeza (e que ainda buscam por justiça).

No mais, a série é bem legal e propões umas reflexões bem profundas. Se você animar a assistir, não deixe de me contar o que achou! Você pode comentar por aqui, ou se preferir, enviar um email para: thais.dos.reis@hotmail.com.

 

2 opiniões sobre “Não deixe de assistir Apple Tree Yard!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s